sexta-feira, 27 de abril de 2012

Gotas de chuva




Gotas de chuva...
quão belo deve ser um anjo salpicado
 por minúsculas gotas de água
que brilham com sua luz vibrante e deliciosa.
Luz que clareia os caminhos
para que eu possa te alcançar,
te sentir e tocar,
anjo meu.

Célia Cristina Prado

Um comentário:

  1. Poesia linda, as gotas que rolam sobre o vidro revela sobre a transparência o puro sentimento.
    Parabéns.
    Edison

    ResponderExcluir

Olá! Agradeço imensamente sua visita e seu comentário, são realmente muito importantes para mim. Seja sempre bem vindo! Beijinhos