terça-feira, 24 de abril de 2012

Aprendiz

 


Esvoaçantes estão seus cabelos, 
esvoaçantes estão seus pensamentos,
esvoaçante o vestido que enrosca em suas pernas,
esvoaçante o tremular de sua luz interior.

Sorrisos radiantes, 
suspiros profundos,
olhares expressivos,
com passos decididos.

É assim que ela vive,
jovem, bela e feliz.
Simplesmente lembrando,
que nesta vida cada um é aprendiz.

Célia Cristina Prado





Um comentário:

  1. Meu amor, esvoaçante é todos os que procuram seu espaço como um aprendiz na vida. Linda a poesia, parabéns.
    Edison

    ResponderExcluir

Olá! Agradeço imensamente sua visita e seu comentário, são realmente muito importantes para mim. Seja sempre bem vindo! Beijinhos