quarta-feira, 22 de maio de 2013

Enluarada


 "Costumava andar de cabeça baixa, mas aquela noite, distraída, olhou pra cima e viu aquela Lua imensa no céu. Sentiu inveja, a Lua tão cheia e luminosa, e ela tão vazia e sem luz... Parou e ficou ali a olhar o céu. Pensou: - As pessoas não tomam banho sol pra ficar bronzeadas? Pois bem, hoje eu quero ficar enluarada! Deitou no banco da praça e ali passou a noite a banhar-se de Lua e a conversar com as estrelas. Antes que o primeiro raiozinho de Sol viesse lhe dar bom dia, calçou as sapatilhas e foi para casa, continuava sozinha, mas voltou sorrindo. Agora ela brilhava!"

Karla Thayse Mendes

2 comentários:

  1. Oi Célia amei seu Blog, já adicionei aos meus favoritos, também tenho um Blog de poesias minhas e de catanças por aí
    http://ana-seguindoastrilhasdaalma.blogspot.com.br/
    Amei esse gatinho preto, porque amo gatos...você criou ou de onde você copiou.
    Meu e-mail: anamerica@terra.com.br
    Obrigada
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, fico feliz que você tenha gostado do meu cantinho e em ter você aqui.

      Qual dos gatinhos? O pequenino peguei no Tony Jifs Javas, tem muitas coisas bonitas por lá. Bom, a maior não lembro, faz bastante tempo que coloquei, mas vou dar uma olhada aqui e te aviso. Também sou apaixonada por gatos.

      Obrigada pelo carinho!

      Excluir

Olá! Agradeço imensamente sua visita e seu comentário, são realmente muito importantes para mim. Seja sempre bem vindo! Beijinhos